OBSCURO – Além do Próprio Horizonte



heartbreak-1209211_1920

Perda


Quando me falavam que perder alguém era dolorido demais, eu custava a acreditar, não me desfazia da dor do outro, mas não sentia toda aquela tristeza que se instalava em meu semelhante, mas a perda também chegou para mim e aí sim pude mensurar minimamente o que o outro sentiu quando foi a vez dele. O coração ficou apertado, parecia que estava sendo esmagado pouco a pouco. Parecia também que alguém furava esse órgão com agulhas, deixando todo o sangue escorrer. As mãos pareciam estar se soltando de algo, deixando aquilo escapar para sempre, quem sabe. Os olhos se fechavam e encontravam à sua frente apenas a escuridão da noite, as lágrimas e as lembranças passaram a ser as únicas companheiras consoladoras. Até os passos ficaram sem sentidos, o ânimo não era mais palavra que tanto importava, não tinha tempo para tal coisa, a tristeza era desoladora.

Anúncios

Então, o que você achou? Deixe sua resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s