Cartas de Inverno



Querido Bryan,

 Eu só quero que você saiba que a distância por mais longa que seja, aproxima pessoas desconhecidas, e foi assim que nos aproximamos, foi desse modo que nos colocamos frente a frente pela primeira vez, dessa maneira que sentimos tudo o que nos foi permitido sentir, que nos conhecemos à fundo. A distância diminuiu, mas também aumentou algum tempo depois, mas mesmo com essa ida e vinda, não levou aquele sentimento maior que nasceu no primeiro olhar, pelos menos não o daqui, e sei que não posso exigir que o sentimento daí vá embora, mas mantenho a esperança de que o vento não o carregue, que o nosso inverno seja um pouco mais quente.

Com imenso carinho,

Ezar

Anúncios

Então, o que você achou? Deixe sua resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s