O Que o Tempo Levou: Capítulo 21


20170529_204916-1

 


Ano de 2009

CENA 1: PEDRA FINA | CASA DE MANOEL | EXTERIOR| INTERIOR| NOITE

Manoel termina o beijo, abraçando Estela, que está totalmente sem reação. Manoel aproxima a boca do ouvido de Estela.

MANOEL: – Desculpa, isso foi sem planejamento. – Ele sussurra no ouvido dela.

Estela esboça um leve sorriso como forma de dizer que não ficou chateada.

FRAU HERTA: – O que está acontecendo aqui? – Pergunta, se aproximando.

MANOEL: – Não é óbvio, minha tia? Essa aqui é Estela, minha namorada. – Diz sorridente.

Frau Herta olha de cima abaixo em Estela, que fica cabisbaixa.

FRAU HERTA: – Você ficou maluco no tempo em que esteve no hospital? Você não pode estar falando sério, Manoel. – Ela sorri sem acreditar que o sobrinho esteja falando a verdade. – Tantas mulheres por aí e você me vem com essa daí, Manoel? Deixa eu ver, ela cobra mais barato? – Ela insinua.

Manoel fica bem próximo da tia.

MANOEL: – Quem é a senhora para dizer o que devo ou não fazer da minha vida? – Indaga, enraivecido. – Limpa a sua boca para falar dessa moça, pois ela vale mais do que a senhora, que não tem valor algum na verdade. – Afirma, voltando ao lado de Estela.

Manoel segura na mão de Estela, e seguem junto pela escada sob o olhar de ódio de Frau Herta, que olha para o grande espelho na sala.

FRAU HERTA: – Eu não admito isso, não admito! – Diz com muita raiva. – Era só o que me faltava, era só o que estava faltando para completar minha desgraça. – Ela olha para o alto da escada. – Quando você quer que algo saía bem feito, faça você mesmo… e é isso que vou fazer, vou cortar esse mal pela raiz.


CENA 2: CASA DE MANOEL | QUARTO | INTERIOR | NOITE

Estela e Manoel entram no quarto, ele a segura pela mão de forma delicada. Estela o olha, compreensiva.

MANOEL: – Desculpa mais uma vez pelo beijo que a gente não havia planejado. – Pede, olhando diretamente nos olhos dela. – Eu não deveria ter feito aquilo sem seu consentimento. E também desculpa pela minha tia.

ESTELA: – Está tudo bem, Manoel. Você já tinha me falado sobre ela, eu estava meio que preparada pelo que eu vi alí. Eu só não achei que ela fosse tão controladora.

MANOEL: – Ela não era asssim antes da morte de meus pais, mas tudo mudou… até mesmo ela mudou para pior. Não fique com medo, pois logo ela vai estar longe daqui, não vai demorar muito, Estela. – Diz, tentando deixar ela tranquila.

ESTELA: – Obrigado, Manoel. – Agradece antes de abraçar ele.


CENA 3: ONDAS DO PARAÍSO | HOSPITAL | INTERIOR | NOITE

Maurício se afasta com certa violência de Bianca, quando se vira fica de frente para Carmen, seus olhos se arregalam.

MAURÍCIO: – Desculpa! – É o que ele consegue dizer antes de sair do quarto, deixando mãe e filha sozinhas.

Carmen se aproxima de Bianca, está nitidamente incomodada com o que acabou de ver, Ela balança a cabeça de forma negativa.

CARMEN: – Eu deveria ter percebido que você não mudou em nada, eu deveria. – Diz, encarando a filha mais velha. – Você só estava esperando o momento certo para ter esse momento com o namorado de sua irmã.

BIANCA: – Namorado… namorado, mãe? O Maurício não é namorado da Estela mais, não é. E a senhora se esqueceu que ela preferiu ficar na casa do tio em vez de voltar.

CARMEN: – Não sei… vai saber que mentiras você inventou para ela na última vez que se falaram. Desde aquele momento, ela se recusa a falar com qualquer uma de nós. Mas escuta bem, Bianca, eu vou descobrir o que você inventou e você vai parar de fazer o que faz.

BIANCA: – E o que eu faço, mãe? Eu simplesmente estou tentando ser feliz!

CARMEM: -Ninguém é feliz destruindo a vida dos outros, ninguém… ainda mais da própria irmã. – Ela afirma, deixando o quarto em seguida.

Bianca olha a porta se fechar, ela volta o olhar para o teto, está com raiva. Bianca se apoia na cama e começa a mexer a perna, algo que não parece ser surpresa, ela esboça um grande sorriso.

BIANCA: – Dessa vez ninguém vai ficar no meu caminho, ninguém! O Maurício já gosta de mim, eu sei que ele gosta. – Diz com seu sorriso maquiavélico.


CENA 4: PEDRA FINA | ONDAS DO PARAÍSO 

Os dias se passam. Estela começa a se acostumar a vida que leva ao lado de Manoel, não dormem juntos, ele dorme no sofá cama que fica em seu quarto e ela na cama. Estela acompanha Manoel nas reuniões da agência de publicidade, e todos afirmam que eles formam um belo casal. Frau Herta passa a infernizar a vida de Estela dentro da casa, e diferente do que pensava, Estela a enfrenta. Manoel sente que nasce dentro dele algo muito maior que somente gratidão, porém Estela continua ligada sentimentalmente a Maurício, que também continua da mesma forma mesmo com Bianca o cercando por todos os lados.

Para não correr o risco de ser desmascarada mais uma vez , Bianca interna a mãe em uma clínica clandestina. Rosa não vê com bons olhos a ajuda de Maurício para Bianca e passa a brigar constantemente com o filho. Maurício se joga de cabeça no trabalho na tentativa de esquecer os problemas.

DOIS MESES DEPOIS


CENA 5: PEDRA FINA | CASA DE MANOEL | COZINHA | INTERIOR | MANHà

Manoel entra na cozinha encontrando Estela com uma caneca com chá, os dois se olham e sorriem. Ele se aproxima dela.

MANOEL: – Demorou, mas finalmente vou fazer o que eu prometi. – Diz, olhando nos olhos de Estela. – Se quiser ver, pode olhar na sala.

Estela então vai até a sala rapidamente, e logo retorna com a mão na boca, não acreditando que Manoel terá coragem mesmo.

ESTELA: – Você vai fazer isso mesmo? – Pergunta, incrédula.

MANOEL: – Já passou da hora, Estela. Eu poderia denunciar ela pra Polícia, mas eu não tenho provas, então nada mais justo do que coloca-la no olho da rua.  – Responde. – Fique tranquila, pois ela tem onde morar depois que sair daqui. – Continua, enquanto se serve com um pouco de café. – Bom, mudando de assunto… seu tio me ligou e descobriu onde sua mãe está.

ESTELA: – Sério?

MANOEL: – Sim, e se você quiser, podemos ir agora mesmo para lá.

ESTELA: – Minha mãe em uma clínica psiquiátrica… eu jamais pensei que a Bianca fosse capaz de fazer algo assim. Eu me sinto culpada por não ter feito nada, por ter estado com raiva esse tempo todo, só Deus sabe o que minha mãe passou. – Diz, entristecida. – Mas isso não vai ficar assim, eu prometo. – Afirma enquanto é abraçada por Manoel, que beija a testa dela.


CENA 6: ONDAS DO PARAÍSO | RODOVIA/ ESTRADA | FIM DA MANHà

Manoel dirige com cautela pela rodovia que leva até Ondas do Paraíso, logo ele avista a placa que contém no endereço fornecido por Jorge, ele então sai da rodovia e segue por uma estrada de terra. Estela observa tudo com atenção. Cerca de um quilômetro e meio depois, chegam em um sítio. Estela sai apressadamente do carro, deixando Manoel sem saber o que fazer, ela então se aproxima de uma mulher, e a abraça fortemente.

ESTELA: – Mãe! – Diz, emocionada enquanto está abraçada a Carmen. – Desculpa, mãe… desculpa por ter deixado que fizessem isso com a senhora. – Pede enquanto intensifica o abraço.

CARMEN: – Não importa, filha. O que importa é que você está aqui e que ficou sabendo de tudo, minha filha querida. – Afirma, afagando os cabelos dela. As duas choram, emocionadas.


CENA 7: ONDAS DO PARAÍSO | BAIRRO ROMANO | CASA DOS FERREIRA | SALA | INTERIOR | FIM DA MANHà

Bianca, usando muletas, obra de seu disfarce para que ninguém desconfie que já pode andar normalmente, entra na sala assim que a empregada abre a porta. A empregada segue para a cozinha. Bianca fica olhando para tudo na casa, do sofá passando pelos lustres e indo até as cortinas.

ROSA: – Está gostando? – Rosa é quem pergunta assim que sai do escritório.

Bianca se vira e fica de frente para a mãe de Maurício, que ostenta um sorriso leve.

BIANCA: – Estou sim, dona Rosa, aqui tudo é muito bonito. – Responde, esboçando um sorriso.

O sorriso de Bianca desaparece assim que sente o peso da mão de Rosa em um lado de sua face. Rosa sem perder tempo, desfere outro tapa, agora do outro lado, fazendo com que Bianca deixe as muletas caírem, ela logo cai, simulando ter perdido o equilíbrio. Rosa a olha com desprezo.

CONTINUA

Anúncios

Então, o que você achou? Deixe sua resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s