Palavras ao Vento


Amor livre


Queres o silenciar da noite

No ermo de toda compaixão

O escuro já não amedronta teu coração.

Queres toda calmaria

De um simples raiar do dia

Queres a imensidão.

Queres amor à todo vapor

A vida em constante movimento

Queres não poder parar de amar

De se aventurar nas lacunas do tempo.

Queres um calor humano

Nem que por engano

Queres tocar no toque que te fez arrepiar

E de suor se molhar.

Queres por que queres o mesmo querer

Queres desejar desejado em um novo amanhecer

Queres o sorrir do sorriso mais pleno

Queres o amar do amor mais intenso.

Anúncios

8 comentários sobre “Palavras ao Vento

Então, o que você achou? Deixe sua resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s