A Jogada: Capítulo 13


20170124_193149


CENA 1: Maré Verde, Edifício Samir, Apartamento de Igor, Sala, Interior, Manhã 

Igor se assusta ao ver que está sob a mira de um revólver. O homem faz sinal para que ele fique parado. O medo no rosto do rapaz é visível.

IGOR: – Eu deveria saber que ele não ia desistir tão fácil.

HOMEM: – Você brincou com fogo, Igor e você sabe como funciona.

IGOR: – Você não vai me matar.

HOMEM: – Quem vai me impedir?

IGOR: – Eu. – Afirma avançando para cima do homem que dispara contra ele.

Igor consegue não ser atingido pelo disparo e toma a arma do homem. Igor aponta o revólver para o assassino que queria matá-lo.

IGOR: – Pode ficar tranquilo, pois não sou como você. Pode ir, não vou fazer nada.

HOMEM: – Não é igual a mim, é muito pior. Saiba que ele não vai deixar você em paz, jamais, não importa o que você faça.

IGOR: – Saia daqui logo de uma vez antes que eu cometa uma besteira.


CENA 2: Bairro São Jorge, Casa de Teresa, Quarto, Interior, Noite 

Enrique beija Teresa de forma delicada. Ele tenta acalmá-la depois de tudo o que aconteceu. Teresa olha  para Enrique, que percebe o olhar triste da namorada.

ENRIQUE: – Você não está nada bem.

TERESA: – Preciso ficar sozinha, Enrique. Só isso mesmo, preciso pensar em tudo que fiquei sabendo.

ENRIQUE: – Tudo bem, eu vou deixar você sozinha, mas não por muito tempo, pois te amo, e quem ama, cuida. – Diz beijando a face esquerda de Teresa.


CENA 3: Centro, Casa de Estefano, Sala, Interior, Noite

Estefano entra em casa no momento em que Rebeca desce pela escada. O olhar de pai e filha se cruzam e antes que Estefano siga para o escritório, Rebeca o faz parar.

REBECA: – O Manoel não vai me contar, mas o senhor vai.

ESTEFANO: – Do que você está falando? Olha,  não tenho tempo para bobagens.

REBECA: – Não é bobagem, pai. Vai me  dizer o que está acontecendo ou quer que eu descubra?

ESTEFANO: – Sua irmã está no hospital, Rebeca.

Rebeca olha assustada para o pai, que não liga e se tranca no escritório.


CENA 4: Hospital, Quarto, Interior, Noite 

Lucas segue até o quarto onde está Soraia. O médico o encontra na porta.

LUCAS: – Como ela está?

MÉDICO: – Ela já despertou, está fora de perigo.

LUCAS: – Graças a Deus. Ela está acordada, doutor?

MÉDICO: – Sim. Você pode ficar com ela se quiser.

LUCAS: – Muito obrigado, Doutor.

O médico sai e Lucas se aproxima de Soraia, que está olhando para o ventilador de teto.

LUCAS: – Tudo bem com você, meu amor?

Soraia volta seu olhar para Lucas, um olhar que parece perdido.

SORAIA: – Quem é você?

CONTINUA

Anúncios

Então, o que você achou? Deixe sua resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s