O Mago: Capítulo 1 (Terceira Temporada)


Futuro Imprevisível 

 Parte 1

S03E01


Morgana está presa na sala dos espelhos do vale esquecido, e como reza a profecia, nunca mais será libertada, isso enquanto não se arrepender de verdade e deixar que todo o ódio seja extraído e o vazio preenchido pelo amor. Mas a bruxa não se entrega tão facilmente, já se passaram um ano desde que a mandaram para esse lugar, e ela continua a tentar escapar. Morgana tenta com todas as suas forças quebrar os espelhos encantados, porém não obtém êxito e acaba se ferindo, logo seu sangue escorre para perto de um dos espelhos e o atravessa, ela desmaia.

– Você tem que deixar a magia, tem que deixar a magia! – Diz uma voz feminina na cabeça de Morgana. – A magia não lhe pertence mais, você tem que deixá-la. – Continua a voz a todo instante.

Morgana abre os olhos de repente, ela se sente fraca, olha para os lados e vê que não está mais na sala dos espelhos, muitas árvores agora estão em sua volta, seu cabelo não está mais como antes, perdeu uma grande parte de suas madeixas. Morgana caminha por entre as árvores depois de se levantar, ela avista um pequeno rio e se abaixa próximo da margem, seu reflexo é nítido na água cristalina.

– O que será de mim? – Morgana se pergunta enquanto deixa algumas lágrimas caírem na água que corre com certa força.

– Você será melhor, assim como deveria ter sido. – Diz uma voz proveniente do rio a frente da jovem.

– E minha magia? – Pergunta Morgana mesmo sem saber com quem conversa.

– Será dada a outra pessoa que a mereça de verdade. – Responde a voz.

Morgana lava o rosto com a água limpa e fica pensativa por alguns segundos.

– Eu entendo, e espero que essa pessoa realmente mereça e controle como eu não consegui  controlar.

– Você cuidará para que isso não aconteça. – A voz desconhecida retorna.

– Como farei isso? – Questiona Morgana se levantando.

Morgana não ouve mais a voz, só sente algo puxá-la pela perna para o fundo d’água, ela desaparece.


Aron não poderia estar mais feliz ao lado daquele que era sua completude, ao lado de quem ele descobrira como se move o amor. Há tempos que Aron junto de seu rei e amado companheiro, Alim mantinham o equilíbrio primordial de toda a terra de Viturius, e desde a partida da bruxa Morgana, essa tarefa se tornou fácil para Aron que tem em si grande  magia. Alim vê seu amor por Aron crescer a cada novo dia, e não suporta ficar muito tempo longe daquele que lhe faz tão bem.

O jovem mago segue na companhia de Alim em direção a montanha Saltan, os dois se divertem e juntos e não deixam de trocarem carinhos constantes, um sorri para o outro sentindo que estão cada dia mais unidos.

– Você não sabe mesmo o que Bomel quer conosco? – Pergunta Alim fazendo com que seu cavalo diminua a velocidade e acompanhe o ritmo do cavalo de Aron.

– Estou curioso como você, Alim. Temos que estar preparados para tudo. – Responde Aron.

– Espero que não seja algo muito grave, pois ultimamente gozamos de tranquilidade e uma paz magnifica, não desejo que isso termine. – Comenta o rei voltando a olhar para Aron.

– Vamos ter fé de que não será algo grave que ameace diretamente o equilíbrio do reino. – Diz Aron enquanto pega na mão de Alim, que por sua vez acaricia a mão de Aron.

Alim e Aron seguem cada vez mais rapidamente, se mostram preocupados com o chamado de Bomel. Alguns minutos depois, os dois chegam ao lago que fica aos pés da montanha Saltan, descem dos cavalos e vão diretamente a beira do lago que se mostra calmo.

– Torço para que ele não queira levá-lo novamente, Aron, eu não suportaria ficar mais um ano sem você. – Diz Alim olhando nos olhos de Aron. – Eu não deixarei se for isso que ele deseja.

Bomel aparece na sua forma humana, e sorri antes de abraçar o mago Aron.

– Bom revê-lo novamente, meu amigo, e vejo que fez grande progresso. – Diz Bomel abraçado a Aron, que sorri.

Bomel sai do abraço e olha para Alim.

– Milord! – Obrigado por vir.

– Eu não deixaria o Aron  sozinho em hipótese alguma. – Diz Alim se mostrando um pouco arredio.

Bomel sorri e volta seu olhar para Aron.

– O que há de errado no reino,  Bomel? – Pergunta Aron.

Bomel caminha até dentro da água do lago, ele movimenta as mãos e uma cortina de água se levanta, e algumas imagens começam a aparecer. Aron tenta entender o que são as imagens da cortina de água, mas não consegue, Bomel o olha e percebe que ele não conseguiu decifrar.

– Essa é a cortina de Valoma, uma outra forma de se ver o futuro, meus amigos. Morgana foi libertada da sala dos espelhos, mas não é ela que representa um grande perigo mais, e sim os que já sabem para quem foi a magia dela. – Diz Bomel antes de outra imagem aparecer. – Perion ficou órfão há pouco tempo, e a magia de Morgana passará a ser dele, porém há o sério risco  de que ele se deixe ser manipulado rapidamente,  logo isso é uma grande ameaça para o equilíbrio de nossa terra, e dos paralelos. – Conclui Bomel deixando que a cortina de água se desfaça.

– Você quer que eu vá até Nova Metrópole? – Pergunta Aron.

– Eu quero que você e o Alim estejam em Nova Metrópole. – Responde Bomel.

– Isso não é perigoso? – Pergunta Alim.

– Nenhum perigo será tão grande se deixarmos Perion ser manipulado. Com Morgana foi assim, e não queremos que isso se repita novamente. – Responde Bomel com grande convicção.

Bomel se vira e segue para dentro da água.

– Quando vocês estiverem  preparados para irem, saberão como fazer isso. – Diz Bomel antes de desaparecer.

Aron e Alim se olham com certo receio.


Lion olha constantemente pela janela para a estrada além do Castelo, está aflito com a demora do irmão, percorre a beira da janela de um lado para o outro, e só para ao sentir um leve toque em sua cintura. Lion vira um pouco o rosto e vê Galbo olhando para ele.

– Não fique aflito dessa maneira, Lion, deve estar tudo bem. – Diz Galbo se aproximando um pouco mais de Lion.

– Eu não sei. Pelo que eu soube do Bomel, ele traz sempre notícias que decorrem de fatos que são ameaças para o Reino, e essa demora do Aron e do Alim só me deixa ainda mais aflito. – Lion diz antes de ser pego de surpresa por um beijo de Galbo.

– Espero que isso o deixe mais tranquilo. – Diz Galbo depois os lábios dos de Lion. – Eu não quero vê-lo preocupado assim como seu irmão também não quer isso, então trate de se acalmar, logo eles chegarão e você verá que está tudo bem. – Conclui Galbo antes de beijar a bochecha de Lion.

Um guarda abre a porta encostada do quarto.

– Sir Galbo, senhorita Oniria solicita falar com o rei, mas como ele não está,  eu resolvi chamá-lo, e parece ser algo de muito importante. – Diz o guarda.

– Sim, muito obrigado, e diga que eu já sigo até ela. – Diz Galbo.

O guarda volta a encostar a porta, e Galbo retorna seu olhar para Lion.

– Vem comigo? – Pergunta Galbo estendendo a mão para Lion, que a segura.

– Irei sim, mas antes eu preciso pegar uma coisa no quarto de Aron. – Responde Lion.

– Não, você não vai invadir o quarto do seu irmão. – Afirma Galbo.

– É realmente muito importante, Galbo. A Oniria é dona da espada que Aron guarda e é preciso devolver seu instrumento de defesa. – Explica Lion.

– Tem certeza disso? – Questiona Galbo.

– Absoluta! – Responde Lion.

Galbo abre a porta do quarto, e Lion sai. Galbo segue Lion até os aposentos de Aron. Lion pega a espada de Oniria que está guardada dentro de um baú, os dois saem do quarto de Aron.

Lion e Galbo entram no salão principal do Palácio. Oniria está parada próxima de uma grande janela, diferente das mulheres que vivem pelo condado, ela não usa vestidos e sim uma calça cheia de esconderijos para os mais diversos tipos de armas. Oniria sorri ao avistar a espada nas mãos de Lion, estende a mão e a espada segue até ela.

– O rei e o mago não estão, Oniria, por isso eu mesmo trouxe sua espada! – Diz Lion.

– Eu sei que eles não estão, Sir Lion. Hoje eles darão início a mais uma batalha para  proteger o reino de Viturius. – Diz Oniria.

– Você sabe onde eles estão? – Pergunta Galbo.

– Eles acabam de chegar ! – Afirma Oniria enquanto sorri.

Lion e Galbo se viram e a porta do salão principal se abre, eles avistam Aron e Alim chegando apressados.

– O que houve Aron? – Pergunta Lion ao irmão.

– Logo você saberá de tudo, Lion. -Responde Aron enquanto segue Alim.

Aron olha para Oniria, que esboça um leve sorriso. Alim toma um bom gole de água, Aron  se aproxima dele.

– Você está certo do que decidiu? – Pergunta Aron.

– Sim, não sabemos quanto tempo ficaremos por lá, e temos de deixar alguém de confiança no Reino, e ninguém melhor que o Galbo e o seu irmão, Aron. – Responde Alim colocando a taça em cima de uma pequena mesa no canto do salão.

Alim e Aron olham para Oniria que se mantêm atenta.

– Obrigado por ter vindo, Oniria! – Agradece o rei. – Sua ajuda será importante para todos nós.

Lion dá alguns passos.

– O que está acontecendo? – Pergunta Lion.

Aron e Alim olham para Lion, que espera por uma resposta para se acalmar ou ficar ainda mais nervoso do que já está.


Nova Metrópole 

Perion chega em casa e entra pelos fundos, não quer que saibam que ele fugiu do orfanato e agora está morando sozinho em casa. O jovem rapaz entra na casa e segue até seu quarto, ele  retira o fone  de ouvido, joga a mochila junto do fone em cima da cama e se senta próximo da janela, ele  sente um vento esquisito e ao tentar fechar a janela, é arremessado contra a parede e cai no chão, está desmaiado. Uma criatura pequenina e brilhante entra pela janela.

– Tenho que usar menos força da próxima vez, espero que não tenha machucado ele. – Diz a criatura enquanto se aproxima de Perion.

A pequena  criatura pára no ar enquanto suas asas continuam batendo.

Normatrea Cigama Gic Irano. – Pronuncia a pequena criatura.

Perion é atingido por um forte raio de energia proveniente das mãos da criatura.

– Faça bom uso! – Diz a criatura antes de sair voando pela janela.

Alguns minutos depois, Perion acorda e sente uma forte dor de cabeça.

– O que foi isso? – Perion se pergunta enquanto se levanta do chão e olha para a janela e depois para a parede, está confuso.

Perion segue até sua cama e se senta, seus olhos mudam de cor sem ele perceber. Ele se assusta ao ouvir alguns alarmes dos carros da rua dispararem.


Reino de Viturius 

Lion fica a saber de tudo o que se passa, e também fica com medo de ter que se separar do irmão mais uma vez, Galbo o abraça.

– Vai ficar tudo bem. – Afirma Galbo.

Aron sente uma energia muito forte ser liberada, ele se apoia em Alim para não cair.

– É  chegada a hora! – Diz Oniria.

Alim olha para Aron e os outros. Aron segue para o Centro do salão, ele olha para Lion, que tenta conter a emoção que sempre vem quando vê seu irmão indo para uma nova batalha.

– Ficaremos bem, prometo! – Diz Aron em pensamento para Lion.

Oniria se aproxima de Aron assim como Alim.

– Você tem certeza de que realmente quer ir, Oniria? – Pergunta Aron.

– Absoluta! – Responde Oniria enquanto olha para Aron e Alim.- Estou aqui para ajudar.

Aron balança de forma positiva a cabeça de forma positiva. Aron estende a mão,  seus olhos mudam de cor.

Arapato Ibarano Morpara Isaron. – Pronuncia Aron.

Uma luz azul envolve os três que desaparecem rapidamente. Lion abraça forte Galbo, que afaga os cabelos dele.

– Vamos ter fé e confiar que tudo  vai  terminar bem. – Diz Galbo apertando o corpo de Lion contra o dele. – Tudo terminará bem.

CONTINUA

Anúncios

10 comentários sobre “O Mago: Capítulo 1 (Terceira Temporada)

  1. Jay, arrasou nesse retorno, de verdade! Adorei entrar de novo na trama de O mago, foi um retorno bom, ver a trama ser apresentada conforme matamos a saudade dos personagens, adorei. A cena do Galbo e Lion ficou linda de verdade, amei!!!! Gostei dessa ideia de que se pode tirar a magia e que existe um ser que redireciona essa magia outro alguém , gostei disso… você poderia mais pra frente explicar melhor isso, achei muito interessante, então a magia ela não passa de uma pessoa a outra? tipo a quantidade de magia é sempre igual??? Sempre a mesma quantidade de magia permanece no reino???? Adorei ver Nova metrópole de novo, gostei da aventura voltar para lá, misturando esse mundo mais parecido com o nosso e misturado com Viturius, gostei de verdade! Amei Oniria, sério…vai ser muito interessante ver o trio nessa jornada juntos, gostei!!!!! Migo você merece um beijo na boca, sou viciado em O MAGO….. vou mandar o Shawn fazer isso por mim …hehehehe 😛

  2. Jay, arrasou nesse retorno, de verdade! Adorei entrar de novo na trama de O mago, foi um retorno bom, ver a trama ser apresentada conforme matamos a saudade dos personagens, adorei. A cena do Galbo e Lion ficou linda de verdade, amei!!!! Gostei dessa ideia de que se pode tirar a magia e que existe um ser que redireciona essa magia outro alguém , gostei disso… você poderia mais pra frente explicar melhor isso, achei muito interessante, então a magia ela não passa de uma pessoa a outra? tipo a quantidade de magia é sempre igual??? Sempre a mesma quantidade de magia permanece no reino???? Adorei ver Nova metrópole de novo, gostei da aventura voltar para lá, misturando esse mundo mais parecido com o nosso e misturado com Viturius, gostei de verdade! Amei Oniria, sério…vai ser muito interessante ver o trio nessa jornada juntos, gostei!!!!! Migo você merece um beijo na boca, sou viciado em O MAGO….. vou mandar o Shawn fazer isso por mim …hehehehe 😛 😀 🙂

    1. 😂😂😂😂 explicarei isso melhor pra frente :mrgreen:
      A quantidade de magia é sempre igual e há um ‘conselho’ mágico que a direciona seja no nascimento ou seja na vida em decorrer :mrgreen:
      Nova metrópole ia voltar mesmo :mrgreen:
      O Shawn tá me devendo muitos beijos 😂😂😂😂

      1. KKKKKKKKKKKKKKKKKKK 😀 😉 😛 Eita migo adorei saber disso, ficarei ansioso por entender mais disso!!!!! Ficou muito legal e a gente vai descobrir o motivo de terem escolhido Perion??? Como chegaram a conclusão de que ele deveria receber a magia de morgana? E eles não conseguem prever se a pessoa irá usar para o bem ou para o mal a magia, né? Tipo eles decidem e torce para que a pessoa tenha sabedoria, né? Eles vigiam a vida de todos que tem magia? Nossa adorei esse rumo da trama!

Então, o que você achou? Deixe sua resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s