Devaneios



Agora o caminho já foi feito,

Tenho medo de não fazer direito.

Sei que não estou sozinho,

Caminharei para fora do ninho.

Começarei de verdade a jornada,

Que pode até mesmo não significar nada.

Mas é meu nada, então seguirei pela estrada,

Descobrindo e sendo descoberto,

Lá vou eu, ser incerto!

Anúncios

5 comentários sobre “Devaneios

  1. “Lá vou eu, ser incerto!” simplesmente tão eu essa frase…. eu que já deveria saber ser certeza, descobri que tudo às vezes realmente não passa de uma eterna incerteza, por isso temos que nos jogar e viver, porque única certeza que temos é que nada sabemos!

Então, o que você achou? Deixe sua resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s