O Próximo Alvo: Capítulo 10


Bairro Canudos, Apartamento de Sílvia, Edifício Dourado 

Sílvia caminha de um lado para o outro, preocupada. Ela pega o celular, digita o número de Ivo, mas não é atendida, ela vai até a janela e percebe uma movimentação estranha na calçada em frente ao Edifício Dourado.

SÍLVIA  (intrigada): O que será que está acontecendo alí?

Sílvia decide por ir até a frente do seu prédio para saber o que se passa, ela sai do apartamento, caminha alguns metros, entra no elevador que está liberado e desce dez andares, ela sai do elevador e logo está no portão do edifício, ela percebe um pouco ao longe, o carro do primo, e pessoas na calçada perto dela.

SÍLVIA: O que houve aqui?

MULHER: Parece que um homem foi baleado, mas quando viemos para cá, só encontramos uma quantidade pequena de sangue e nada do corpo.

Sílvia agradece a mulher pela informação e segue até o carro de Ivo, ela percebe o veículo vazio e fica assustada.



Apartamento de Thiago, Edifício Líbero 

Fernando desliga o celular, ele encerra uma ligação, chega perto de Thiago, que está observando Túlio e Ana na sacada do apartamento.

FERNANDO: Conseguimos, Tio! Nós conseguimos aquela indicação da Morgana.

THIAGO: E são verdadeiras, as provas?

FERNANDO (sorri): É a sepultura do Doutor Magno!

THIAGO: Proteja essas provas, Fernando. Nós estamos a um passo de colocarmos o Magno no devido lugar dele.


Amanhece em Líbero. 

Apartamento de Thiago 

Alguém bate a porta desesperadamente, Ana que já está de pé, caminha até a porta bocejando, ela abre a porta, momento em que sente um pano molhado ser colocado em seu nariz, ela se debate, mas já é tarde, está desmaiada. 


Ana é carregada por duas pessoas até o elevador, que os leva até a garagem e coloca ela dentro do porta-malas de um carro preto.

HOMEM (ao celular):  Tudo certo, chefe! Estamos com ela.



Bairro Constantinopla, Casa de Fernando Ludiato 

Fernando sorri enquanto olha a foto do pai, mas logo depois vem as lágrimas.

FERNANDO: Está chegando o dia, meu pai! Logo minha vingança estará concluída e eu ficarei em paz.

Fernando caminha até o quarto e retira de dentro de uma caixa a arma do pai.

FERNANDO: Você me ensinou tudo o que eu sei, pai! Vou acabar com tudo isso de uma vez por todas.



Bairro Canudos, Apartamento de Sílvia, Edifício Dourado 

Lucas aparece na sala com uma mochila preta nas costas, Olívia sorri.

OLÍVIA: Está tudo aí o que a gente precisa?

LUCAS: Sim, minha irmã! Cadê nossa mãe? 

OLÍVIA: Saiu! Disse que tem algo muito urgente para resolver.

LUCAS: Aposto que foi falar com a Diana.

OLÍVIA: Ela está preocupada com o sumiço repentino do Ivo.

LUCAS: Logo tudo isso acabará, tenho certeza!

OLÍVIA: Vamos no seu carro ou no meu?

LUCAS: No meu que é muito mais rápido, precisamos ir direto para capital.

Os dois saem do apartamento com ar de muito mistério.



Apartamento de Thiago, Edifício Líbero 

Túlio sai do quarto de hóspede, ele vai direto para sala onde encontra Thiago olhand0 no celular. Túlio se senta ao lado do futuro sogro.

TÚLIO: Eles vieram?

THIAGO: Sim. 

TÚLIO: Estou me sentindo como se traísse ela.

THIAGO: Minha filha vai entender que é para o bem dela, Túlio. Não se preocupe, pois ela está em um local seguro,  longe de todas essas situações de perigo.

TÚLIO: Será hoje o dia?

Thiago encara o namorado da filha. 

THIAGO: Sim, será hoje a noite. O Fernando com certeza já deve estar a caminho de lá. 

TÚLIO: Depois de tudo isso, eu e Ana poderemos viver em paz.

THIAGO: Tenha certeza que sim -ele sorri- e trate de pedir minha filha em casamento logo.

TÚLIO: Assim que tudo isso passar, eu a pedirei.



Apartamento 21, Edifício Líbero 

Araban desce pela escada, está com uma pasta cheia de papéis nas mãos. Madonna está sentada no sofá olhando o tablet. Araban se aproxima da mãe.

ARABAN (intrigada): Mãe, o que é isso?

Madonna levanta o olhar e reconhece a pasta nas mãos da filha.

MADONNA (assustada): Onde você encontrou isso?

ARABAN: Estava dentr0 do meu armário. Me diz  que não é verdade o que eu lí aqui.

Madonna se cala. Araban joga a pasta no chão.

ARABAN: Eu indiretamente participei desses crimes todos, eu sou uma criminosa como você e o meu avô!

Madonna se levanta do sofá.

MADONNA (grita): Cala a boca! -ela dá um tapa na cara de Araban-.

Araban cai no chão e olha assustada para a mãe.



Sítio Pedra Azul, Zona Rural de Líbero

Ana é retirada do carro, ela ainda está desacordada, é levada para dentro da casa e começa a despertar. Ana vê com dificuldade, mas percebe que está sentada em um sofá, não está amarrada, ela tenta se levantar, só não cai pelo fato de ser segurada por alguém. Ana vira o rosto na direção da pessoa que a segura.

ANA  (surpresa):Você!?


CONTINUA…

Anúncios

9 comentários sobre “O Próximo Alvo: Capítulo 10

  1. Meu que demais a abertura! Ideia genial porque nos faz ter uma imagem do personagem, nossa e parece uma abertura de novela mesmo, nossa muito legal, confesso que não li ainda a história, vi que esse é o capítulo 10, então resolvi nem olhar muito para evitar algum spoiler, mas vou agora mesmo começar a ler essa web novela agora mesmo…. e estou gostando muito de amor travesso, comecei a ler semana passada, que criatividade! Continue assim! E parabéns mais uma vez pela abertura que ficou sensacional!

  2. Nossa, manoh, quem será que sequestrou Ana? De 100%, 80% aposto no Magno pois é o único que tem um real motivo pra isso. O sumiço de Ivo também deve ser a mando desse velho desgraçado. Araban fez crimes indiretamente? Socorro! Madonna uma péssima mãe, fato. Agora é só tiro, porrada e bomba! Parabéns.

Então, o que você achou? Deixe sua resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s